Preço do Leite Atualizado Por Mensalmente

16
224
Preço do Leite Atualizado
Preço do Leite Atualizado
Patrocinadores

Preço do Leite

Cotações – Leite 11/10/2022

ESTADO/CIDADER$/LITRO DE LEITE
MÍNIMO
R$/LITRO DE LEITE
MÁXIMO
SP/Avaré3.5003.670
/Campinas1.9003.540
/Mococa2.0003.470
/Sorocaba1.8003.100
/Vale do Paraíba2.4003.030
/Oeste Paulista2.1003.070
/São Carlos2.1003.130
/Alta Mogiana0.8003.030
/São J. Rio Preto1.9003.500
MG/Sul de Minas1.9004.140
/Gov. Valadares2.0003.250
/Belo Horizonte2.1902.980
/Montes Claros1.7503.570
/Triângulo Mineiro0.9003.210
RJ/Rio de Janeiro1.7003.090
ES/Espírito Santo2.0003.120
GO/Goiânia0.9003.600
/Rio Verde2.0004.200
/Catalão1.7903.700
MS/Campo Grande0.8003.000
MT/Mato Grosso2.0704.000
RO/Rondônia1.7002.970
PA/Pará1.7002.970
TO/Tocantins1.5802.020
PR/Maringá0.9003.360
/Castro2.0003.420
SC/Santa Catarina2.0003.430
RS/Norte/Noroeste2.0003.140
BA/Feira de Santana1.9003.000
/Itabuna1.4203.000
PE/Pernambuco1.8702.988
CE/Ceará1.8903.091
AL/Alagoas1.9502.937
MA/Maranhão1.9002.400

Preço do Leite

Preços ao Produtor (R$/Litro)

Leite Entregue Em Junho Tem Projeção De Alta De 15,50%
Leite Entregue Em Junho Tem Projeção De Alta De 15,50%

Preço do Leite

Preços ao Produtor (R$/Litro)

Cepea LOGOTIPO completo SEMSOMBRA1
Preço do Leite Atualizado Por Mensalmente 3

Uma das variáveis levantadas pelo Cepea são os valores pagos pelo leite ao produtor.

A metodologia consiste em consultar cooperativas e indústrias de laticínios, a fim de levantar o preço do leite cru integral refrigerado negociado em Reais por litro (R$/litro)

Os preços líquidos representam os valores “recebidos” pelos produtores, sem considerar frete e impostos.

São coletados mensalmente dados dos estados de BA, GO, MG, SP, PR, SC e RS e a média “Brasil” é obtida pela ponderação dos preços médios estaduais de acordo com suas respectivas participações (em termos percentuais) no volume amostrado.

Patrocinadores

Os valores coletados se referem aos preços pagos/recebidos pelo leite no mês corrente, relativos ao volume captado no mês anterior.

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) é parte do Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq), unidade da Universidade de São Paulo (USP).

agricultura agro agrolink agronegocio agropecuaria artigos técnicos boi brasil canal rural cavalo citações Classificado colunistas como Comprar DBO defensiva destaque eventos G1 gado gordo leite mais MERCADO milho noticias notícia notícias agrícolas oferta para pecuaria Pesticidas por Portal Portal DBO previsão do tempo preço preços preços agrícolas produção rural SOJA trigo turismo

Patrocinadores

16 COMMENTS

  1. Uma vergonha esse preço de leite para o produtor com esse valor tão alto dos enssumos para produzir alimentos para.as vacas por isso que a maioria dos produtores estão parando

  2. Olha,quando vejo o preço de um litro de leite no supermercado mais de 7.00 reais e vejo que o produtor vai receber rm torno de 2,20 em média, eu fico me perguntando: quem está ganhando dinheiro com o mercado de leite?, pois o produtor não é.

  3. Infelizmente não somos valorizados
    Os pequenos produtores de leite do interior de São Paulo
    Recebe somente 1,60
    Enquanto isso o valor dos insumos está nas alturas.

  4. O único jeito e mudar a legislação fazendo com que p produtor possa prosesar e vender o seu leite direto ou indireto digo no comércio mais próximo

  5. Aqui em rondonia o preço na minha região q e machadinho nunca chegol a 2 reais aonde q eses caras tiram eses preço de leite d 2.84 o litro e uma vergonha o preço do leite pago ao produtor no mercado ta mais de 6 reais o caixinha q e uma água rala

  6. Infelizmente o único que ganha dinheiro com leite, é aquele que não tem nenhuma vaca leiteira.
    O ” LATICÍNIO ” .

  7. Os laticínios estão com os dias contados, mataram os produtores de leite, o próximo a morrer são eles (laticínios)

  8. O pior que os produtores estão loucos pra elegerem os que fazem a legislação que dá tudo aindustria e nada pra quem produz.

  9. Não seria mais justo fazer uma média dos gastos que os produtores têm para manter a produção e aí sim fazer uma avaliação adequada de “ preços “ do litro a ser pago ao produtor e não apenas perguntar aos laticínios o que eles “pagam” aos guerreiros que são os produtores ?

  10. Tão quebrando os pequenos para fazer captação só nos gdes, tão vindo financiamento pra eles montarem o compost barn e outros pra concentrarem a produção na mais ricos

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here